Doença Moscas Volantes

saiba um pouco a respeito

São pequenas manchas flutuantes que aparecem no vítreo (substância gelatinosa transparente que preenche o globo ocular). Elas podem ser notadas quando você olha para algo claro, como um papel branco ou um céu azul.

Na maioria das vezes, as flutuações são células que se agrupam e de pouca importância. Podem aparecer e desaparecer e, em geral, as pessoas aprendem a conviver e ignorá-las, pois, não interferem na visão.

Estes pontos flutuantes podem ainda estar presentes em apenas um olho ou ambos os olhos.

As moscas volantes podem aparecer de diversas formas, tais como:
Pontos pretos ou cinzentos
Linhas irregulares
Fios filiformes, que podem ser nodosas e semitransparentes
Teias de aranha
De forma anelar

Quando são notadas inicialmente, a reação natural é tentar olhar diretamente para elas. Entretanto, as tentativas de se olhar diretamente para elas são frustrantes, pois as moscas volantes acompanham o movimento do olho e continuam fora da direção do olhar.

Grupos de Risco
Em sua maioria, atingem pessoas acima dos 40 anos e, em portadores de miopia, o quadro pode ser apresentado mais cedo.

As moscas volantes são consideradas uma patologia comum. Porém, servem de alerta para um possível Descolamento de Retina.

Causas
As flutuações podem ter diferentes níveis de gravidade. A maioria são causadas ​​por pequenas manchas de uma proteína chamada colágeno, como podem ser parte do vítreo descolado, células de sangue flutuando no vítreo ou inflamação intraocular.

As moscas volantes são perigosas?
As moscas volantes podem ser irritantes, mas por si só não são perigosas. A maioria dos flutuadores oculares são causados pelo envelhecimento normal do olho. No entanto, quando uma pessoa desenvolve o súbito aparecimento de moscas volantes, o olho deve ser examinado por um oftalmologista para ter certeza de que não há nenhuma anormalidade ocular associada ou doença sistêmica que requer tratamento. 

Um início súbito de muitas moscas volantes nos olhos ou o aparecimento de moscas volantes associadas com luzes piscando poderia significar um rasgo na retina que requer tratamento para prevenir o descolamento de retina. Uma nuvem na visão ou perda da visão lateral pode ser um sintoma de descolamento de retina associado.

Diagnóstico
O oftalmologista irá verificar a visão do paciente com uma lâmpada de fenda e depois dilatar as pupilas. Após as pupilas estarem dilatadas, a retina e o vítreo serão examinados com um oftalmoscópio. Assim, o médico será capaz de dizer ao paciente se há anormalidades associadas que exigem mais exames ou tratamentos.

Tratamento
Em geral, as moscas volantes não necessitam de tratamento. Algumas delas podem permanecer no campo de visão, porém muitas diminuem ou desaparecem com o tempo, deixando de incomodar. Nos casos de opacidades densas, causando grande desconforto ou comprometimento da visão, a remoção das opacidades vítreas por meio de procedimento cirúrgico pode ser considerada.

As moscas volantes podem ser prevenidas?
Não há nenhuma maneira conhecida de impedir as moscas volantes nos olhos. Estas flutuações podem ser resultado de lesões cotidianas, podendo ser evitadas através do uso de óculos de segurança ao trabalhar ou através do uso de óculos de proteção quando praticar determinados esportes. Quando decorrente de hemorragia vítrea, a retinopatia diabética pode ser reduzida por meio de um melhor controle da hiperglicemia.

Agende agora mesmo um horário com o Dr. Vinícius Pereira


Cuide da sua visão e veja a Vida de forma Diferente! Prevenir é a melhor solução contra Imprevistos!